Archive for Janeiro, 2007

‘No Promises’: Começar 2007 em Beleza

Janeiro 10, 2007

carlabruni_ifyourecominginthefall.JPG

play_3475.gif Carla Bruni – “If You’re Coming In The Fall” videoclip1.gif

Se o link não funcionar podem ver AQUI

(…)

Para começar em beleza, o novo ano traz de volta Carla Bruni, a cantautora que há 4 anos surpreendeu tudo e todos com Quelqu´un m´a Dit. Tenho andado a escutar No Promises com atenção e em crescente devoção, confesso. A somar à música, a delicadeza estética do projecto gráfico do álbum: muito, muito bonito.

Sob o efeito do entusiasmo que me invade ainda, recomendo vivamente o trabalho de composição de Carla Bruni sobre poemas de autores como o poeta irlandês William Butler Yeats, o inglês Wystan Hugh Auden, Christina Rossetti (grande senhora da poesia britânica do séc. XIX), Walter de la Mare, Emily Dickinson e Dorothy Parker, referências de eleição da literatura norte americana.

Há um player online, no MySpace da cantora, onde se podem ouvir todas as faixas de No Promises  AQUI.

carlabruni400_nopromises.JPG

Anúncios

Script #37 | O Toque

Janeiro 10, 2007

Ás vezes basta um instante, basta um enlace pela cintura, um arrepio corrido à pele, um brilhozinho nos olhos, um sono mais feliz, um céu mais azul, um coração a bater mais descompassado, um pouco que é muito, um nada que é tudo. Ás vezes basta um detalhe, uma diferença ínfima, uma súbtil alteração na normal percepção das coisas percebidas de sempre. Ás vezes basta ser uma vez, basta uma vez mais á frente no tempo, num tempo outro, distinto do mesmo, distinto do que foi sem nunca ter sequer chegado a ter sido. E, por cima da inusitada surpresa, sobrevém tão só a inquestionável evidência das coisas claras e simples. Claras porque simples ou simples porque claras, eu não sei. Mas sabe-o o Fado, que é o que importa. Sabe-o antes e primeiro que todos. Como sabe sempre todas as coisas que há para saber. Como se nunca ninguém lhe pudesse contar nada que já não saiba, – a ele, ao Fado – sabedor que é de todos os segredos e sentires que podem em vida passar pela cabeça dos corações mais excêntricos e improváveis.
play_3475.gif  Camané – “Ela tinha uma amiga”  nota_animada25.gif