Script #20 | ‘E o dia foi amanhecendo em paz’

Outubro 7, 2006

casa_rigth.jpg

O que tu não sabes, Querida, é que o amargo da tua alma bate na trave e  cai do lado de fora da cerca. Não sabes nem desconfias, mas o fel que emites em ondas curtas é fluído invisível que se esbarra no muro da nossa morada. Ás vezes, quando o vento sopra de norte, ainda o pressinto a rondar a soleira, mas ouço-o esboroar-se com a cal, incapaz de atravessar a espessura da tinta lisa e clara. Porque se soubesses, Querida, perceberias como eu que são penas vãs, todas aquelas que ainda por ti roçam, de quando em vez (para não dizer sempre!). Se soubesses, Querida, apanharias os cacos dos teus próprios arremessos e tentarias, como eu, ser obreira de outro albergue que te pudesse acolher. Porque é triste, Querida, é muito triste, vestir essa bata assombrada com que persistes em deambular nas quinas da estrada, a agoirar as rectas, a maldizer as curvas, a blasfemar contra a sina, sem perceber que se faz a sulcos sobre a própria mão. E se acaso ainda te assaltam coisas boas derramadas, amores exactos desperdiçados, entende – como eu entendi – que depois do pó nada retorna à pedra, e depois da cinza fica desfeita a chama. Qualquer chama. Toda a chama. Não escolhas, Querida, a miséria salobra dos votos mesquinhos. Evita, Querida, a berma e o declive, e o musgo e o espinho e a lama que, quase sempre, andam por baixo do caminho. Detestaria, Querida, passar por ti um dia, olhar-te e não ver mais nada senão essa prega de macumbeira, a descair-te do canto da pálpebra cega. Porque é vã a tua praga, Querida. Vã e estéril, acredita-me. Bate na trave, mesmo que soprada pelo vento. Esboroa-se na cal do muro da nossa casa e fica estilhaçada do lado de fora, quando amanhece. Como um cristal esquecido entre as ervas. Do lado de fora da porta, Querida. Fora do alcance. Longe dos olhos e do coração. Á espera, só à espera, da foice que as ceifará pela raiz quando for de novo Primavera, sem nunca lhe dar realmente tempo de medrar.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: